Preocupação é com dengue, zika, chikugunya e febre amarela

 

A Secretaria Municipal de saúde e da Secretaria Executiva de Controle de Zoonoses e Vetores de Belford Roxo segue com a luta contra a dengue, zica, febre chicungunhya e febre amarela. Nesta quarta-feira (09), no centro da cidade, uma campanha de conscientização à população sobre o risco das doenças. Foram distribuídos 15 mil folders. Amanhã a campanha será no Largo do bairro Piam.De janeiro a outubro de 2018, de acordo com fonte da Secretaria Municipal de Saúde, foram notificados 124 casos de zika vírus, 302 casos de febre amarela, e 285 casos de dengue no município.

Pela manhã, os agentes se concentraram na Avenida Benjamin Pinto Dias, em frente ao shopping do município, onde distribuíram materiais a pedestres e motoristas. "A população deve combater o vetor em suas residências, tirando 10 minutos por semana para fazer uma geral  em suas residências eliminando possíveis focos", destacou o secretário-executivo de Controle de Zoonoses e Vetores, Rodrigo Santana, ao lado do diretor de Departamento, Admilson Figueiredo.

Os agentes alertam que um grande transmissor de arbovíroses atualmente é o mosquito Aedes aegypti, vetor da dengue, Zika vírus, febre chikungunya e febre amarela. As três primeiras doenças estão em circulação no Brasil, por isso diversas medidas estão sendo tomadas para prevenir a ação do mosquito. "Sabemos que 80% dos focos são encontrados dentro das residências e o objetivo dessa campanha e orientar a população a se prevenir e evitar a reprodução do mosquito", arrematou Rodrigo.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar