O município tem 37 salas de recursos para alunos especiais

 

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Magé lançou a cartilha “Flexibilização e Adaptação curricular”, que complementa as políticas públicas educacionais direcionadas aos alunos da rede em situação de inclusão. De acordo com a secretária Álison Brandão, Magé aumentou em 80% o número de alunos especiais matriculados na rede, que conta com dois centros atendimento especializado. "Temos 37 salas de recursos, uma sala de Braille e mais duas salas para deficientes auditivos. Por isso aumento no número de alunos especiais", diz a secretária.

"Esse documento norteador foi criado para melhor atender aos alunos em processo de inclusão e auxiliar o trabalho do professor e de toda comunidade escolar com políticas públicas voltadas a educação especial. Sabemos que cada aluno é único e tem suas particularidades. Essa cartilha tem a função de nortear a prática inclusiva, tanto em nível de currículo como de flexibilização. Aqui o professor terá acesso às informações para que ele possa melhor estruturar seus planos de aula e atividades diárias", explica Patrícia Barcelos da coordenação da Educação Especial e Inclusiva.

(Com imagem de Gerson Peres)

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar