O município de Paracambi, na Baixada Fluminense, tem sofrido bastante com as chuvas, computando estragos em vários bairros. Sem dispor dos recursos necessários para realizar as obras de reparo, a prefeita Lucimar Ferreira se reuniu com Uruan Cintra de Andrade, presidente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER). No encontro, realizado ontem (14), a prefeita apresentou um plano de ações e solicitou intervenções de recapeamento e sinalização nas rodovias estaduais RJ-127 e RJ-093, esburacadas em vários trechos.

Mais da metade dos cerca de quatro mil acidentados que todos os anos são atendidos na emergência do Hospital Geral de Nova Iguaçu, o Hospital da Posse, não motociclistas ou caronas, uma realidade que preocupa e exige um esforço conjunto. Neste sentido o diretor geral do HGNI, Joé Sestello, se reuniu pela segunda vez com representantes da Segurança Pública e do Trânsito da Baixada Fluminense, polícias Militar, Civil e Rodoviária Federal; Corpo de Bombeiros e o Detran, para dar prosseguimento a um esquema de trabalho integrado, com a abordagem direta dos condutores, dentro de um programa de conscientização.

Atendimento está sendo feito nas unidades do PSF

 

A saúde do bebê começa a se estabelecer na barriga da mãe e por saber que a gravidez provoca uma série de alterações no organismo da mulher, inclusive na cavidade bucal, o acompanhamento odontológico é fundamental nesse período. Em Magé, a rede municipal de saúde conta com o pré-natal odontológico, onde as futuras mamães fazem o tratamento nas Unidades de Saúde da Família.

O repasse constitucional vem aumentando desde 2017, mas as providências...

 

Um vídeo divulgado nas redes sociais mostra vazamento no teto do Hospital Municipal Manoel Martins de Barros, em Itatiaia, causando transtorno nas enfermarias nos dia de chuva, mas antes fosse só este o problema. Usuários da rede de Saúde da cidade governada pelo prefeito Eduardo Guedes, o Dudu, reclamam que têm faltado medicamentos nas unidades, situação repercutida na sessão da última segunda-feira (11) da Câmara Municipal pelo vereador Anderson Luiz dos Santos, o Anderson da Saúde, mas que não parece sensibilizar o governo, que ainda não se pronunciou sobre o assunto, a exemplo do que tem feito em relação a outros problemas apresentados em sua gestão: ficado mudo.

Após a repercussão que atingiu em cheio a gestão do prefeito Diogo Balieiro com a suposta extinção da fanfarra da Escola Municipal Getúlio Vargas, a Prefeitura de Resende, no Sul Fluminense, resolveu se pronunciar. Em nota de esclarecimento divulgada ontem (11), o superintendente Pedagógico Mário José Dias e pelo diretor da unidade de ensino, Paulo Henrique Nogueira da Costa, afirmam que a fanfarra "não foi extinta" e sim "suspensa temporariamente para ser reformulada"...