A escola recontou a história do Brasil

 

A Estação Primeira de Mangueira – o Flamengo do Carnaval Carioca – é a grande campeã do carnaval carioca. A escola desfilou na segunda-feira (4) na Sapucaí, com o enredo "História pra ninar gente grande", do carnavalesco Leandro Vieira, a escola contou na avenida a história do Brasil pela ótica dos heróis populares. Em segundo lugar ficou a Unidos do Viradouro. A Vila Isabel, que homenageou a cidade de Petrópolis obteve a terceira colocação. Já a Imperatriz Leopoldinense e a Império Serrano desceram para a Séria A, antigo grupo de acesso, enquanto à Beija-Flor restou o pior resultado de sua história, o 11º lugar.

Da história recente, além de Jamelão, estão a cantora e compositora mangueirense Leci Brandão, e a vereadora Marielle Franco, assassinada em 14 de março de 2018, ao lado do motorista Anderson Pedro Gomes. A viúva da vereadora, Mônica Benício, participou do desfile.

As escolas foram avaliadas quanto a bateria, samba-enredo, harmonia, evolução, enredo, mestre-sala e porta-bandeira, alegorias e adereços, fantasias e comissão de frente.  A Mangueira obteve a pontuação máxima em todos os quesitos.

A Unidos do Viradouro desfilou com o enredo Viraviradouro, que apresenta as histórias que as avós contavam. O enredo com o universo de histórias infantis e de contos de fadas tem no final uma floresta encantada. A escola voltou ao grupo especial depois de três anos na Série.

As seis primeiras colocadas desfilam novamente no próximo sábado (9). Além das três primeiras, desfilam a Portela, Salgueiro e Mocidade.

(Com a Agência Brasil)

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar