Festival de pratos japoneses e chineses vai até o dia 15

Quem visitar Rio das Ostras neste feriado prolongado pelo 'enforcamento' de sexta tem uma boa opção gastronômica. É 1º Festival de Comida Oriental do município, que reúne 15 estabelecimentos. O evento, que vai até domingo, além de aquecer a economia local, tem o objetivo proporcionar ao público a oportunidade de degustar pratos variados com preços bem acessíveis. Para o empresário Mauro Pacheco, o Festival já é um sucesso. "Ao meu ver, a visibilidade do restaurante está sendo muito importante. Estamos atraindo novos clientes e ainda conseguimos retornar com antigos consumidores", conta, lembrando que os consumidores têm duas opções: um prato, ao custo de R$ 18; ou o combinado com 20 peças, ao valor de R$ 20.

Obras de artistas da região estarão expostas em Queimados até o dia 3 de novembro

Inaugurada na última terça-feira, a Exposição coletiva 'Pincel de Cores' estará aberta até o dia 3 de novembro. A mostra é organizada pela artista plástica Neusa Dantas – que pinta há mais de 20 anos e já expôs em varias cidades – e reúne obras de Almira Corrêa, Celeste Conceição, Fátima do Rosário, Lu Couto, Luís Dias, Thiago Mendes e da própria organizadora, no Espaço cultural do Saguão da Secretaria de Educação de Queimados. Um dos trabalhos mais procurados, cita Neuza, é a obra foi 'Peregrina da verdade', que mostra traços de uma mulher idosa do século XX.  O espaço fica na Rua Hortência 6, Vila do Tinguá, conhecido como Praça dos Eucaliptos. Os trabalhos podem ser vistos de segunda à sexta-feira, das 09h às 17h. "São belas obras para admirar e adquirir, já que algumas das que estão expostas estão à venda. Outras são acervos dos artistas que apenas já seguem várias exposições coletivas", diz Neuza. Quem estiver interessado em adquirir alguma obra poderá fazer contato através dos endereços eletrônicos O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo., O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo celular (21) 99777-1392.

E as crianças vão pode decidir o final do espetáculo

Com apoio da Fundação Rio das Ostras de Cultura a Fundição de Artes e Ofícios Rua Beija-flor, s/nº - Colinas) estará apresentando neste domingo, às 16h, o espetáculo circense "Kê Gracinha", que é direcionado a todo público, mas quem terá vez mesmo são as crianças, que poderão decidir o final da história de um palhaço que chega de repente na cidade com sua mala, procurando um emprego no circo. Para isto ele precisa mostrar em pouco tempo todas as suas habilidades e é aí que entra em cena o Palhaço Gracinha. De forma irreverente e desajeitada ele apresenta números de malabarismo, de mágica, de contorcionismo, excêntrico musical e até de acrobacias. Ele precisa convencer as crianças, que são os jurados.  Enfim, um espetáculo para fazer a alegria dos filhinhos e dos pais também.

Encontro cultural vai unir rap, funk, hip hop e exposição de arte

Vai acontecer nesta quarta-feira, a partir das 19h, o 2º Encontro Cultural de Belford Roxo, na Casa de Cultura da cidade (Avenida Bob Kennedy, S/N, bairro Nova Piam). Promovido por um grupo de jovens locais, o evento vai contar com apresentações de rap, funk, hip hop. Além da música haverá exposições de arte e demonstrações de lutas marciais. A proposta é fortalecer a cultura na Baixada Fluminense. "Somos um grupo socialista. Sabemos que a cultura é fundamental para a transformação social dos jovens. Sabemos que através da arte é possível não somente diminuir a violência nas favelas, mas também em outras áreas de vulnerabilidade social. Precisamos ajudar a suprir carências no que tange aos direitos de todo cidadão, em principal a juventude de nossa Baixada", diz Jonatan Dias, um dos organizadores do evento, que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura.

 

Evento será aberto hoje e vai até o dia 12 de outubro

Realizada simultaneamente em vários países pela instituição Missionárias da Caridade, será aberta na próxima terça-feira, em Paracambi, a exposição oficial sobre a Vida, Obra e Espiritualidade de Madre Teresa de Calcutá, pela causa da canonização. A mostra, que já foi vista por cerca de sete mil pessoas em Nova Iguaçu, Nilópolis e Queimados, estará no espaço cultural, na antiga fábrica de tecidos Brasil Industrial. A exposição apresenta fotos, textos, objetos, cenografia e mensagens sobre a espiritualidade de Madre Teresa, com os painéis organizados de forma cronológica, apresentando textos em português e espanhol, além de uma réplica cenográfica do quarto onde ela vivia. Também há relíquias, cópias de documentos, cartas e prêmios por ela recebidos, inclusive o Nobel da Paz, versão de 1979 e um oratório. A abertura oficial será às 14 desta terça-feira e ficará aberta até o dia 11 de outubro, das 9h as 19h. O espaço fica na Rua Sebastião Lacerda.