Novo prefeito começa repetindo erros da gestão anterior e vai além: cria mais secretarias

Desde que Dennis Dauttmam assumiu o governo que o município de Belford Roxo passou a gastar mais do que arrecada e o resultado não poderia ser outro: salários atrasados, saúde doente, educação precária, uma cidade imunda e a administração emperrada. Mas se alguém pensou que com a posse do novo prefeito as coisas mudariam logo com o governo que está se iniciando, é melhor não esperar muito. É que apesar de toda pirotecnia com mutirão de limpeza e a fanfarronice em unidades de saúde, o coração da Prefeitura ainda não começou a ser tratado. Muito pelo contrário. Está sendo ainda mais forçado, pois ao invés de cortar despesas para equilibrar as finanças, o prefeito Wagner dos Santos Carneiro, o Waguinho (foto), decidiu aumentar o tamanho dá já gigantesca máquina administrativa, que passa de 28 para 35 secretarias, além de novos cargos e funções gratificadas em quantidades que ainda não estão nada claras.

Aprovada a toque de caixa pela Câmara de Vereadores em pleno recesso legislativo, a Lei Municipal Nº 1.540 de 3 de janeiro 2017 externa absurdos como a Secretaria do Tesouro, quando já existe a Secretaria de Fazenda, que é a mesma coisa; Turismo em uma cidade sem qualquer atração e Secretaria de Conservação, quando o município conta com duas pastas praticamente semelhantes, as de Obras e Serviços Públicos. Outro ponto que está sendo visto como exagero em tempos de crise é a não unificação de pastas como as de Defesa Civil e Ordem Urbana, Segurança Pública e a de Mobilidade Urbana.

Com o slogan “Construindo um novo tempo” a gestão de Wagner nos Santos Carneiro está apenas no terceiro dia útil de trabalho, mas já começa a gerar desconfianças nos mais antenados, pelo grande cabide de empregos e criações consideradas irresponsáveis. Daqui para frente serão 36 secretários (contando com a chefia de gabinete), pelo menos uma centena de subsecretários; outras dezenas de diretores de departamento e fundações, mais os fartos cargos de segundo e terceiro escalões, além das funções gratificadas.

De acordo com a lei que foi publicada nesta quarta-feira (4) no diário oficial do município, a máquina administrativa de Belford Roxo passa a contar agora com a seguinte estrutura: secretarias de Comunicação Social; Articulação Política; Casa Civil; Procuradoria Geral do Município, Controladoria Geral do Município; Administração; Fazenda; Compras e Suprimentos; Governo.  Secretaria de Projetos, Captação de Recursos, além das secretarias do Tesouro; Obras; Conservação; Serviços Públicos; Defesa Civil e Ordem Urbana; Segurança Pública; Mobilidade Urbana; Assistência Social e Cidadania; Articulação Comunitária; do Idoso; Trabalho e Emprego; Habitação e Urbanismo; Meio Ambiente; Ciência e Tecnologia; Vigilância Sanitária; Saúde; Educação; Cultura; Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico; Esporte e Lazer, mas as secretarias da Pessoa com Deficiência; da Mulher; Turismo; Proteção aos Animais e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Sustentável e Saneamento.

Share

Comentários  

+3 #1 renata 04-01-2017 21:02
Sabe o quê significa a marcará ja vai aparecer afinal de contas onde ele ia enfiar esse povo quê bancou a campanha dele nao de asustem quando o Eduardo Cunha tiver trabalhando aqui ridiculo
Citar
+3 #2 Mirtes 04-01-2017 21:42
Quem vota em gente como Vaguinho e Canela não esperar um bom governo. Votaram, Agora sofram as consequencias.
Citar
0 #3 Julio Cesar 04-01-2017 21:43
Agora a vaca vai para o brejo de vez.
Citar
+2 #4 Zélia 04-01-2017 21:47
Esse povo da Baixada escolhe muito mau seus gestores.
Citar
0 #5 Walber Figueiredo 04-01-2017 21:54
COVAAAAAAAAAARD ES!
Citar
+1 #6 Anderson 04-01-2017 21:57
A matéria. Não. Condiz com a realidade...mel hore suas fontes..
Citar
+1 #7 Elizabeth Martins Ta 04-01-2017 22:21
E o monte de puxa saco que está transitando pelos corredores da prefeitura em busca de uma vaga para sugar as tetas. Aí não tem dinheiro para pagar os servidores. Novo governo, velhos problemas.
Citar
0 #8 Amanda da Silva Sant 04-01-2017 22:59
Educação que tem verba federal sem pagamento desde novembro,fora o 13º que virou lenda!Diz q o antigo prefeito deixou um rombo de 800 mil...Esse rombo dará conta das secretárias?Por que o pgt dá Educação nadaaaaaaa! Professores desesperados,qu erendo até acabar com a vida,sem ter o que comer,luz é aluguel atrasados...Um novo tempo de que?
Citar
+1 #9 Ciça 04-01-2017 23:24
O dinheiro do FUNDEB sendo desviado para bancar esta palhaçada toda de secretarias. E o Ministério Público igual ao macaquinho nada vê, nada ouve, nada fala. Estou passando necessidades sem salario e a robalheira descarada a olhos vistos e nenhuma autoridade enxerga?
Citar
+1 #10 Cluadia 05-01-2017 04:28
Citando Anderson:
A matéria. Não. Condiz com a realidade...melhore suas fontes..

Cala a boca puxa saco. Pela a lei 1540 e veja você mesmo.
Citar
0 #11 Amanda da Silva Sant 05-01-2017 08:21
"A matéria não condiz com a realidade"Realm ente a realidade de um.professor concursado que está 3 meses sem receber,passou o natal sem Dinheiro e com a mudança do governo parece que nada de novo vai acontecer,essa realidade não tem fonte para se escrita, só quem vive sabe!A realidade é muito pior que qualquer matéria jornalística!
Citar
0 #12 Luís André Campos 09-01-2017 13:47
Venho acompanhando toda essa situação que está passando o município de Belford Roxo. E digo que a justificativa dada pelo prefeito em reportagem ao RJ TV 1º ed. de 03/01/2017 para esse aumento de 28 para 35 secretarias não tem fundamento nenhum. Waguinho disse na referida reportagem que "o procedimento se faz necessário para descentralizar e reduzir os gastos da maquina pública", o que é um total absurdo. Isto irá somente aumentar os gastos com criações de secretarias que servirão somente para aumentar a quantidade de cargos comissionados, que provavelmente serão distribuídos entre aqueles que o apoiaram durante a campanha (pagar dividas de campanha). Novamente Belford Roxo tem um prefeito que governa para si próprio!
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar