E cobra taxa mensal de R$ 30 de quem não ganha o suficiente nem para comprar remédio

Aposentados, segurados e pensionistas que recebem da previdência social nas agências do Banco Itaú na Baixada Fluminense, reclamam que estão sendo obrigados a sair da conta simples da qual fazem saques com cartão magnético e migrarem para conta corrente, sofrendo um desconto mensal de R$ 30. Na última quinta-feira, por exemplo, vários beneficiários que foram receber seus proventos numa agência de Nova Iguaçu, se surpreenderam com a informação de que o cartão estava bloqueado e que teriam de abrir uma nova conta para passarem a receber daqui, sendo obrigados ao pagamento de R$ 30  mensais a título de taxa de serviço.

Os constrangimentos aos quais os que sobrevivem com o que o INSS lhes paga são submetidos nas agências do Itaú não são novidades para os órgãos reguladores, mas nada acontece. Vão desde a pressão para façam empréstimos consignados de até R$ 2.800 à venda de serviços.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar