Com projetos populares e linhas de crédito para imóveis em geral

Durante a cerimônia de entrega de 820 unidades habitacionais do Programa Minha Casa Minha Vida no bairro de Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, Moreira Franco, anunciou que os investimentos federais em moradias vão crescer em 2018, com a construção ou conclusão de projetos populares e também com linhas de crédito para imóveis em geral.

Os apartamentos dos condomínios Porto Belo, Ônix e Park Topázio vão abrigar 3,2 mil pessoas. Os empreendimentos são destinados a famílias com renda de até R$ 1,8 mil e receberam investimentos federais de R$ 61,5 milhões. Cada unidade tem 43 metros quadrados e conta com dois quartos, sala cozinha, área de serviço e banheiro. O condomínio dispõe de estacionamento, área de lazer e parque infantil.

"Não há a menor dúvida de que os programas habitacionais vão ficar mais fortes. Agora mesmo, em dezembro, o presidente Temer vai entregar, no Brasil inteiro, 20 mil unidades. A expectativa é que, quando nós estivermos tocando com mais rapidez o programa Avançar, haveremos de ter obras grandes, médias e pequenas, que estavam paralisadas, sendo entregues ao longo do ano que vem em todas as áreas. Nas áreas de saúde, educação, saneamento básico, energia, óleo e gás, rodoviárias e ferroviárias. Ou seja, o Brasil voltou", disse o ministro. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar