Deputada foi condenada a pagar R$ 100 mil a Luiz Zveiter

 

Em decisão divulgada pelo Tribunal de Justiça na  tarde de hoje (14), o juízo da 13ª Vara Cível do Rio condenou a deputada federal Clarissa Garotinho a pagar R$ 100 mil ao desembargador Luiz Zveiter, a título de indenização por danos morais. Clarissa fez declarações em suas redes sociais acusando o magistrado de vários crimes. Na sentença foi considerado as afirmações, sem provas, foram ofensivas ao desembargador e que "ficou comprovado o dano". Clarissa alegou imunidade parlamentar, mas a Justiça entendeu que o argumento não vale, pois as declarações não se deram no exercício da atividade parlamentar e não dizem respeito "a fatos conexos à administração pública, se tratando de afirmações acerca da pessoa do autor'.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar