"Um jovem com um futuro promissor, de alma alegre e um coração que pulsava no ritmo do bem". É assim que o ex-prefeito de Japeri, Ivaldo Barbosa dos Santos, o Timor, descreve o "menino" Wendel Andrei de Lima Coelho, assassinado na manhã deste domingo na Praça Olavo Bilac, na localidade de Engenheiro Pedreira. Wendel entrou para a vida pública a convite do então prefeito, que o nomeou como secretário de Obras. A Polícia Civil ainda não divulgou nenhum detalhe sobre o crime, mas o que se comenta entre os conheciam e conviviam com o vereador, é que o tiro que lhe alvejou o peito não era para ele...

O corpo do jovem político será sepultado na manhã desta segunda-feira no cemitério de Engenheiro Pedreira e, ainda esta semana, a mesa diretora deverá convocar o primeiro suplente do PT do B, Cristiano do Nascimento Alves, o Cristiano Pingin, para assumir a vaga de Wendel, que levava uma vida tranquila e não tinha inimigos.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar