Pregador será o pastor-deputado Samuel Malafaia

 

O estado é laico, mas ao que parece o diretor geral da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, Wagner Victer, deve ter se esquecido disso. Ele autorizou a realização de um evento evangélico no auditório Senador Nelson Carneiro, localizado nas dependências da Casa. Vai ser amanhã (27), das 11h30 às 13. O pregador será o pastor-deputado Samuel Malafaia e culto terá como atração o cantor Wander Damaceno. Faz-se então um perguntinha: Será que o espaço seria liberado também para uma missa católica ou um toque das religiões de matriz africana?

 

Comentários  

+1 #1 paulo antônio da sil 26-03-2019 14:15
A Alerj é do povo. Qualquer religião pode usar aquele espaço, esse é meu pensamento. Vamos usar o LAICO como algo positivo e não proibitivo!
Citar
+1 #2 André Luiz 27-03-2019 22:03
Citando paulo antônio da sil:
A Alerj é do povo. Qualquer religião pode usar aquele espaço, esse é meu pensamento. Vamos usar o LAICO como algo positivo e não proibitivo!

Concordo. Fico pensativo pois não percebo os mesmos protestos quando religiões de Matrizes Africanas realizam atividades dentro de espaços notadamente pertencentes a Coisa Pública. Somos herdeiros do legado da Civilização Ocidental, que nós trouxe entre outras coisas o conceito de Democracia. Civilização Ocidental que tem como um dos principais componentes o Cristianismo.
Citar
+1 #3 paulo antônio da sil 28-03-2019 18:17
Minha opinião é QUE USEM O ESPAÇO.
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar