Quem chega ao endereço dado como sede da empresa fornecedora depara com capas e películas para celulares

Quem entra na loja de número 15 da Rua Dom Walmor, no centro de Nova Iguaçu, depara com um ponto de vendas de capas e películas para telefones celulares no varejo e não vê nenhum sinal de material de limpeza ou de higiene, mas é lá que as secretarias de Saúde e Educação de Mangaratiba vão se abastecer de alguns itens desses produtos durante um ano. Pelo menos é o que consta das atas de registro de preços 006 e 013, homologadas pelos dois órgãos no dia 13 de março, com aquisições com valor global estimado em R$ 530 mil, classificadas como material de limpeza e higiene.

Pelo que está no cadastro da firma junto à Receita Federal, sua atividade principal é o aluguel de máquinas e equipamentos para escritório. O cadastro aponta ainda várias atividades secundárias, inclusive o comércio atacadista de material de limpeza e higiene, mas no imóvel – que consta como sede do fornecedor contratado pelo município de Mangaratiba –, está bem claro que o espaço é para venda de assessórios para telefones celulares, não estando a vista nenhum dos produtos listados nas duas atas de registro de preços homologadas em favor da empresa.

De acordo com as atas, o Bazar Irmãos Mendes vai fornecer para a administração municipal de Mangaratiba cera líquida para ardósia, álcool gel e liquido, detergente, sabonete líquido, copos descartáveis e até papel higiênico, mas nenhum desses produtos é oferecido na loja, o que pode ser constatado por qualquer cidadão que aparecer por lá hoje (24).

Através da ata 006 está registrado o fornecimento de 480 unidades de cera líquida para piso em ardosia, ao preço unitário de R$ 11.50; 900 embalagens com 2.500 copos descartáveis; 1.872 frascos de detergente líquido marca Barra ao custo de R$ 1,47 cada um; 3.480 esponjas dupla face e 3480 esponjas de lã de aço; 3.720 refis de álcool gel e 2.568 unidades de sabonete liquido para a Secretaria de Saúde, ao custo total de R$ 162.451,44.

Segundo a ata 013, o fornecimento será para a Secretaria de Educação e chega ao valor global de R$ 367.932,52 para os seguintes itens: 6.570 líquidos de álcool 96 graus; duas mil embalagens de álcool 70%; 6.125 unidades de cera líquida para piso em ardósia; 12.541 frascos de detergente líquido ao custo marca Barra, 5281 esponjas dupla face e 22.858 pacotes com quatro rolos de 30 metros de papel higiênico marca Velud, a R$ 4.85 por pacote.

O espaço está aberto para qualquer manifestação. Com a palavra a administração municipal de Mangaratiba.

 

Matéria relacionada:

Educação de Mangaratiba compra sabão em pó em Rio das Ostras

Comentários  

0 #1 Elizeu Pires 25-04-2019 00:22
Só para esclarecer - Esta ferramenta é apenas para comentários sobre a matéria. Perguntas e sugestões de pauta devem ser encaminhadas através do e-mail elizeupires.blo g@gmail,com
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar