"Representante" do povo teria "plantado" paciente supostamente para produzir vídeo com escândalo

 

Dois anos após ter sido denunciado por agredir um colega durante uma reunião interna de trabalho no gabinete da presidência da Câmara de Vereadores de São João de Meriti, o vereador Carlos Eduardo do Nascimento Soares, o Dudu Soares (foto), volta ao noticiário de forma negativa. Dessa vez por invadir unidades de saúde e "plantar" suposto paciente, produzindo escândalo para vídeos que posta nas redes sociais. Nesta terça-feira o prefeito da cidade, João Ferreira Neto, Dr. João, compareceu à 64ª Delegacia Policial para registrar ocorrência nesse sentido.

De acordo com a nova denúncia, Dudu tem ido às unidades de saúde supostamente para exercer o seu direito de fiscalizar, mas a finalidade seria bem outra: gerar tumultos, jogando supostos pacientes contra os médicos e servidores envolvidos no atendimento à população.

De acordo com o prefeito, o caso registrado nesta terça-feira ocorreu no PAM de Éden, onde uma suposta paciente chegou, e depois de dez minutos de espera, começou a gritar. Não demorou muito para o vereador chegar e fazer uma gravação com ela que, conta uma testemunha, depois se acalmar, teria entrado no carro do parlamentar e ido embora.

Agressão – No dia 26 de maio de 2017, o que seria uma simples reunião interna de trabalho no gabinete da presidência da Casa descambou para a violência física e terminou em registro na 64ª Delegacia Policial, onde o vereador Rony Ferraz acusou Dudu Soares de tê-lo agredido a socos, na frente do presidente da Câmara, Davi Perini Vermelho, o Didê.

Na época o caso teve grande repercussão nas redes sociais. Em um vídeo compartilhado via WhatsApp, Rony Ferraz confirmou que fora "covardemente agredido" pelo colega "em pleno gabinete da presidência da Câmara" e anunciou que iria "até a última instância" para responsabilizar seu agressor e que iria vai fazer de tudo para que Dudu tivesse o mandato cassado, o que não ocorreu.

*O espaço está aberto para qualquer manifestação. Com a palavra o vereador Carlos Eduardo do Nascimento Soares.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar