O governador Wilson Witzel anunciou ontem (12), a construção de 1.434 unidades habitacionais no estado do Rio de Janeiro, em parceria com a Caixa Econômica Federal. Serão 934 habitações no Complexo do Alemão, na capital fluminense, e 500 em Teresópolis, na Região Serrana. Os imóveis, que serão erguidos no âmbito do programa Minha Casa, Minha Vida, atenderão a famílias prejudicadas pelas chuvas de 2011. O início das obras aguarda a autorização do Ministério do Desenvolvimento Regional. As moradias serão construídas em terrenos do Governo do Estado.

O anúncio foi feito após encontro com presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, e outros dirigentes da instituição, no Palácio Guanabara. "Tratamos de assuntos de diversos interesses do Estado do Rio de Janeiro, especialmente o início das obras de mais de 1.400 unidades habitacionais. Este é um passo importante para que possamos atender a essas famílias", ressaltou o governador.

Segundo o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, o banco investirá no Rio de Janeiro, este ano, um total de R$ 5 bilhões em diversos projetos. “Já investimos R$ 1,2 bilhão e, neste segundo semestre, vamos investir o restante, em especial em habitação popular”, disse.

De acordo com a Secretaria Estadual das Cidades, as futuras unidades fazem parte do novo Programa Habitacional do Estado que está em fase final de elaboração. O governo do estado desapropriou uma série de terrenos, que serão utilizados para a construção de empreendimentos imobiliários voltados para a população com menor poder aquisitivo.

(Com a Assessoria de Comunicação do Governo do Rio de Janeiro).

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar