O vereador Deucimar Talon transformou-se em pedra no sapato do prefeito Alcebíades Sabino

Recurso para derrubar liminar que obriga investigação de irregularidades atribuídas ao prefeito de Rio das Ostras deverá ser impetrado segunda-feira

A determinação do juízo da 2ª Vara da Comarca de Rio das Ostras para que o presidente da Câmara de Vereadores da cidade, Alzenir Pereira Melo, o Nini, instale uma comissão de inquérito para investigar denúncias de irregularidades atribuídas ao prefeito Alcebíades Sabino dos Santos, poderá não ter efeito prático. É que um recurso contra a decisão judicial levada ao conhecimento dos membros da Casa na última quarta-feira, já estaria pronto para ser ajuizado. De acordo com uma fonte ligada à Câmara, isto poderá acontecer na próxima segunda-feira.

Timor se esforça para manter as contas em dia e Tarciso nem sabe quando pagará os salários dos servidores

...enquanto o bonito faz feio

Japeri e Paracambi são municípios vizinho e integram a Baixada Fluminense. O primeiro é o mais pobre da região é e chamado pelo vizinho de “patinho feio”, mas é na cidade com menos recursos que muitos paracambienses vão busca socorro médico e é a cidade e é dela que também surge um exemplo que o gestor de Paracambi deveria seguir. Japeri está com os salários e as faturas dos fornecedores e prestadores de serviços em dia, enquanto o “patinho bonito” não sabe nem quando vai quitar os vencimentos de julho, deixando os servidores na mão.

Os turistas nacionais curtem a capital e o interior. Os estrangeiros preferem a cidade do Rio de Janeiro (Foto: Alex Ferro)

Um milhão de turistas aquecem o mercado

Os jogos olímpicos atraíram para a capital fluminense cerca de 650 mil turistas nacionais e 350 mil estrangeiros. A informação é da Riotur, empresa de turismo do município do Rio de Janeiro, que estima uma injeção de US$ 1,8 bilhão na economia da cidade. Ainda segundo a empresa, em 2014, na Copa do Mundo, houve movimentação de R$ 4,4 bilhões em 31 dias de competição e no Réveillon deste ano foram gerados US$ 686 milhões (R$ 2,2 bilhões). Mas não é só a capital que sai lucrando: o interior do estado recebe 20% do total de turistas que estão na capital por causa dos jogos olímpicos, segundo revela a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis.

 Paulo Dames declarou à Justiça Eleitoral patrimônio inferior a R$ 200 mil contra uma conta quase  30 vezes a saldar com o município

Candidato foi a condenado a ressarcir os cofres de Casimiro de Abreu em quase R$ 6 milhões e declara patrimônio de menos de R$ 200 mil

Se a dívida ativa em nome do ex-prefeito de Casimiro de Abreu, Paulo Cezar Dames Passos, candidato pelo PSB, for efetivamente cobrada na Justiça, o município, além de continuar sem ver a cor do dinheiro vai ter ainda mais prejuízos com as custas judiciais. É que Dames, que governou a cidade por três mandatos (dois consecutivos), declarou à Justiça Eleitoral patrimônio no total de R$ 191.501,60, o que não chega nem perto do que ele, por decisão do Tribunal de Contas do Estado, tem a devolver aos cofres públicos, cerca de R$ 6 milhões ao todo, dívida que poderá aumentar, pois ainda há mais processos em tramitação.  Até março desde ano, o total a ser devolvido aos cofres da municipalidade era de R$ 5.326.697,28, mas ainda há uma longa lista de pendências junto ao Tribunal de Contas, que encaminha à Dívida Ativa para a cobrança judicial, os débitos relativos a multas e ressarcimentos de pagamentos irregulares por obras e serviços.

Sistema permite que escolas cadastrem o número de estudantes matriculados e os livros que receberam a mais ou a menos (Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

Demora pode afetar milhões de alunos em vários estados no próximo ano letivo

Até ontem 48% das escolas públicas ainda não haviam encaminhado as listas com os livros didáticos que serão usados pelos estudantes do 6º ao 9º ano do ensino fundamental no próximo ano letivo e o prazo para a confirmação da escolha termina amanhã. Os títulos a serem adotados devem ser informados pelos professores, diretores e coordenadores no Sistema PDDE Interativo, disponível no site Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. De acordo com o balanço divulgado pelo FNDE, em 12,7% das unidades de ensino a seleção das obras ainda estava em elaboração e em 34,37% das escolas o processo de escola nem havia começado ainda, mesmo com a disponibilização do Guia de Livros Didáticos 2017, com resenhas e informações de cada uma das obras aprovadas para o Programa Nacional do Livro Didático.