Leilão aconteceu ontem

 

A Prefeitura de Macaé leiloou ontem (13) parte de sua frota oficial. Ao todo foram vendidos 36 veículos que não tinham mais utilidade para a administração municipal, que limitou-se a informar no final que todos os carros colocados a venda foram vendidos, que 12 pessoas acompanharam o leilão presencialmente e outras 400 participaram via internet. Quanto o município arrecadou? Isso não foi revelado. De acordo com a Prefeitura, foram seis arremates presenciais.

Objetivo é desenvolver a cadeia produtiva do leite no Noroeste fluminense

 

Em evento em Italva, no Noroeste do estado, com a participação de prefeitos, secretários municipais de Agricultura, produtores rurais e representantes da sociedade civil, o secretário estadual de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, Eduardo Lopes, participou de debate sobre a situação do agronegócio na região e como implementar ações em parcerias para o desenvolvimento do setor. No evento foram entregues três tratores e 17 implementos agrícolas, adquiridos com recursos do Programa Rio Rural. O objetivo é beneficiar associações de agricultores familiares, visando desenvolvimento da cadeia produtiva do leite.

Campeã em ações judiciais com pedidos de indenização por danos causados por quedas de energia e outros problemas, a concessionária de energia elétrica Enel, antiga Ampla, vai ter que indenizar em R$ 8 mil o dono de um cavalo que morreu eletrocutado em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. O animal sofreu a descarga elétrica ao pisar numa poça de água estava energizada por um fio caído. O dono, que puxava o cavalo, só não foi atingido porque usava botas de borracha. A empresa alegou em sua defesa que não cabia reparação do dano, uma vez que o proprietário do animal não era consumidor dos seus serviços.

Acostumados a receber seus vencimentos antes do quinto dia útil do mês, os servidores de Magé começaram a receber o salário de janeiro na tarde desta terça-feira (12), oitavo dia subsequente ao período trabalhado e o prefeito Rafael Santos de Souza, Rafael Tubarão, foi às redes sociais para se desculpar com os funcionários, aos quais prometeu apresentar um calendário anual para quitação dos salários...

Aeronave caiu numa rodovia de São Paulo

 

O jornalista e apresentador do Grupo Bandeirantes de Comunicação, Ricardo Boechat, de 66 anos, morreu nesta segunda-feira em acidente de helicóptero. A aeronave caiu sobre um caminhão no Rodoanel, no trecho do Rodoanel que dá acesso à rodovia Anhanguera, na zona oeste de São Paulo. Também morrerou o piloto, que tentava um pouso de emergência, quando o helicóptero chocou-se contra um caminhão. Os corpos ficaram carbonizados. O acidente aconteceu por volta das 12h e só a pouco o Grupo Bandeirantes confirmou que o jornalista estava entre as vítimas. Boechat seguia de Campinas, no interior de São Paulo, para onde embarcara para fazer uma palestra. Pela manhã ele apresentou seu programa diário na rádio Bandnews e falou sobre a tragédia de Brumadinho, e no incêndio ninho do Urubu, que matou dez jogadores das categorias de base do Flamengo.