Ex-prefeito de Meriti perde para o atual o controle do PHS no Rio

Perdida e desesperada. Assim deve estar a nominata que o ex-prefeito de São João de Meriti, Sandro Matos, vinha formando no PHS fluminense para a disputa das eleições deste ano. É que ele perdeu a presidência regional da legenda, segundo uma fonte do MDB, por obra e graça do ministro do Esporte, Leonardo Picciani, que não gostou dos esforços de Matos para lançar o deputado Pedro Fernandes candidato a governador do Rio e teria recorrido ao presidente nacional da sigla, Marcelo Aro. Resta saber se Matos, que vinha fazendo um trabalho importante no PHS, continuará na legenda ou vai buscar novo abrigo, já que pretende disputar um mandato de deputado federal. Fernandes, por sua vez, ouviu o canto da sereia optou pelo PRB do prefeito Marcelo Crivella, deixando Sandro no 'hora veja'. De acordo aliados de Matos, o que mais doeu não foi a perda da presidência regional, mas a entrega do controle da legenda ao atual prefeito, João Ferreira Neto, o Dr. João.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar