Ela ainda pode recorrer da decisão do TSE, mas fota do cargo

 

Por unanimidade os integrantes do Tribunal Regional Eleitoral cassaram na tarde desta quarta-feira (10) o mandato da prefeita de Italva, município do Noroeste Fluminense. Margareth de Souza Rodrigues, a Margarete do Joelson, havia sido condenada, em dezembro do ano passado, pelo juiz eleitoral local, Rodrigo Pinheiro Rebouças, sentença confirmada hoje. Com a decisão ela é afastada imediatamente, podendo recorrer, mas fora do cargo. Ela pode, por exemplo, impetrar embargos de declaração e recorrer depois ao Tribunal Superior Eleitoral. Mantida a cassação, será marcada uma eleição suplementar, já que a sentença derruba a chapa, composta pelo vice-prefeito  Bruno Silva de Souza (PP). Os membros do TRE entenderam que ficou comprovado que houve promessa de emprego para eleitores em troca dos votos nos réus e pagamento de exames médicos com a mesma finalidade.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar