Pneus velhos viram canteiros em Mesquita
Itaguaí tem espaço para terceira via na sucessão municipal
Prefeitura de Aperibé vai gastar R$ 848 mil com padaria...
Transporte de alunos em Japeri vai custar R$ 3,3 milhões
Aumento no contrato da merenda daria para construir uma creche por ano em Resende

Roberto Petto acumulou cargos indevidamente e fiscalizava convênios firmados por ele mesmo

 

Durante o período em que foi prefeito da cidade – de abril de 2004 a 31 de dezembro de 2007 – Roberto Petto Gomes (foto) acumulou o cargo de chefe da Divisão de Controle e Avaliação no Hospital das Clínicas de Teresópolis Constantino Otaviano (HCTO), vinculado à Fundação Educacional Serra dos Órgãos (Feso). Por conta disso ele foi condenado por improbidade administrativa e está com os direitos políticos suspensos por oito ano, uma vez que a sentença foi mantida pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), que negou o recurso apresentado pela defesa do político.

Falta de médicos seria o principal motivo

 

Reaberto em julho de 2017 depois de nove meses fora de funcionamento, o Hospital Infantil de Belford Roxo está correndo risco de ser fechado por falta de médicos. Unidade particular, o hospital foi encampado pelo município que, entretanto, está com dificuldades de manter pediatras nos plantões. A Secretaria Municipal de Saúde ainda não se pronunciou sobre o assunto, mas mães que buscaram atendimento para seus filhos nos últimos dias se queixam de que a qualidade do atendimento caiu muito nos últimos meses e que a falta de médicos tem sido recorrente.

Ministro deve comparecer à comissão geral nesta quarta-feira às 15h

 

O plenário da Câmara aprovou nesta terça-feira  (14), por 307 votos a 82, a convocação do ministro da Educação, Abraham Weintraub (foto), para explicar aos parlamentares os cortes no orçamento das universidades públicas e de institutos federais. Por se tratar de convocação, o ministro é obrigado a comparecer à comissão geral que o ouvirá no plenário da Câmara nesta quarta-feira (15), às 15h. Segundo o autor do pedido, deputado Orlando Silva (PCdoB-SP), o ministro precisa explicar como será feito o bloqueio dos recursos.

Tribunal entende que custo pode ser reduzido com pesquisa de preços mais ampla

 

A Prefeitura de Maricá tem 30 dias de prazo para cumprir determinações do Tribunal de Contas do Estado em relação a uma concorrência pública com valor global estimado em R$ 15.535.269,84. O edital lançado para contratação do serviço dos serviços de serviços de limpeza, conservação e higienização das unidades da rede municipal de ensino foi suspenso e a licitação fica adiada até que seja feita, entre outras coisas, "ampla pesquisa de preços com critérios aprimorados" e "adotado o regime de execução por preço unitário, ao invés do preço global", o que poderá reduzir o valor do contrato, gerando economia para os cofres da municipalidade.

Situação jurídica do atual e do ex-prefeito é fator de favorecimento para os adversários

 

Mal avaliado por alguns de seus próprios aliados, com uma condenação a 14 anos de prisão que só não o tirou do cargo porque a sentença saiu depois das eleições municipais, o prefeito de Itaguaí,  Carlo Busatto Junior, o Charlinho, sequer toca no assunto sucessão. Parece ter os olhos mais voltados para Mangaratiba do que para sua cidade, visto que estaria interessado em lançar por lá – sua origem –, a primeira dama Andrea Busatto. O ex-prefeito Wesley Pereira está condenado em segunda instância por abuso de poder econômico e, se a situação não for revertida também, não poderá disputar a Prefeitura em 2020. Assim fica aberto um espaço e tanto para a pavimentação de uma terceira via...