IBGE reforça relação entre saúde e saneamento básico
Firma novata estréia faturando alto em Nova Iguaçu
Novo presidente terá de garantir mais vagas no ensino superior
Câmara não se esforça para abrir a caixa-preta do governo em Paraíba do Sul: fica nos requerimentos solenemente ignorados pelo prefeito
Sem renovação: 75% dos deputados federais devem se reeleger

Fora do cargo desde março deste ano – renunciou para disputar um mandato de deputado estadual – o ex-prefeito de Silva Jardim, Anderson Alexandre, é alvo de ações judiciais e inquéritos no Ministério Público, por conta de denúncias de irregularidades em processos licitatórios e contratos firmados a partir de janeiro de 2013. Pelo que está no papel ele deixou o governo há cinco meses, mas a falta de transparência com os gastos públicos continua na gestão da prefeita Maria Dalva Silva do Nascimento. Quem busca, por exemplo, pelas edições de 2018 do boletim oficial do município no Portal da Transparência encontra apenas uma, a de número 470, datada de 20 de julho, postada quatro vezes. Também não existe nada sobre as licitações realizadas este ano, muito menos os contratos de prestação de serviços e fornecimento, assim como não há nenhum registro das despesas quitadas de 1º de janeiro até ontem (13).

O asfaltamento de mais cinco ruas começa segunda-feira

 

O sofrimento com a lama e a poeira está chegando ao fim para cerca de 500 famílias do bairro Jardim da Fonte, em Queimados. Na manhã de ontem (13), o prefeito Carlos Vilela e o secretário de Obras, Alex Reis, visitaram a preparação de cinco primeiras ruas da localidade a ganhar asfalto a partir da próxima semana. No total, serão utilizadas 700 toneladas de massa asfáltica na região. Toda parte de saneamento básico e calçamento já foi finalizada e os últimos acertos estão sendo realizados no local para receber o asfalto a partir desta segunda (17). As primeiras ruas a serem beneficiadas são Abílio Henrique, Dom José, Dom João, Americana e José Alexandre. Nesta etapa, cerca de 1,5 km de melhorias - que também incluem sinalização - serão implementadas.

"Os avisos de licitação são tão transparentes que não dá nem para ver", reclamam alguns interessados em participar dos pregões abertos pela Prefeitura

 

Em abril deste ano a Prefeitura de Japeri realizou uma concorrência pública com valor global estimado em R$ 2.754.066,63 para obras de drenagem e pavimentação em algumas ruas do bairro Santa Amélia. O único documento sobre o certame existente no sistema da Prefeitura aberto ao controle social é o edital. No dia 14 de junho aconteceu a licitação para informatização da gestão pública, negócio de mais de R$ 5 milhões, mas o edital que regeu o certame, quase três meses depois, ainda não é encontrado no Portal da Transparência...

A proposta é conhecer os anseios dos moradores

Para melhor conhecer os anseios da população, a Secretaria de Assistência Social e Cidadania, vai promover hoje e amanhã, o seu tradicional 'Café Cidadão', um encontro, aberto ao público que será realizado nas unidades do Centro de Referência de Assistência Social (Cras). O objetivo é aproximar o governo da população. 

Novo sistema será implantado em parceria com Sebrae no próximo dia 20

 

A partir do dia 20 de setembro a emissão de alvará de funcionamento estará mais fácil em Magé. Nessa data a Prefeitura vai lançar o Programa de Consultorias da Rede Simples. O objetivo das secretaria de Indústria, Comércio, Desenvolvimento Econômico e Políticas Públicas e Fazenda é simplificar a abertura, alteração, legalização e baixa de empresas na Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro via internet, através do Sistema Regin, que integra os órgãos públicos envolvidos no registro de empresas. O evento de lançamento será realizado no Magé Tênis Clube. De acordo com o Sebrae, Magé é o quinto município da Baixada Fluminense a aderir ao sistema que facilita a emissão do documento, acabando com a burocracia que muito tem prejudicado a vida dos empresários.