''Trem da alegria'' apita em Macaé
Pobreza de Japeri não envergonha os ''donos'' do poder
Farmácia localizada a 240 quilômetros recebeu R$ 6,4 milhões por fornecimento de remédios a pacientes de Silva Jardim
Prefeito de Resende se comporta como quem está a algumas voltas de vantagem sobre o considerado principal adversário
Descoberta de brasileiros pode mudar a história da humanidade

O programa institucional Ouvidoria Itinerante do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro completa, no próximo mês de agosto, uma década de atividades, com atendimento e recolhimento de comunicações da população, em diversos pontos da região metropolitana e interior do estado. Os encontros, abertos aos cidadãos, são marcados pela comunicação direta, através de suas reclamações e denúncias sobre as mais diversas áreas nas quais o MPRJ atua, tais como Educação, Saúde, Meio Ambiente e Direitos Humanos. Desde o primeiro evento, realizado no dia 4 de agosto de 2009, na sede do clube Fluminense, em Laranjeiras, a Ouvidoria Itinerante do MPRJ atendeu mais de 23 mil pessoas e recebeu cerca de 7000 registros.

As primeiras evidências da presença de homo erectus fora do continente africano ocorreu em um sítio arqueológico da Geórgia, datada de 1,8 milhão de anos

 

Uma equipe de pesquisadores brasileiros e italianos encontrou materiais que teriam 2,4 milhões de anos em um sítio arqueológico na Jordânia. A descoberta coloca novos elementos que podem mudar o conhecimento consolidado sobre o desenvolvimento da humanidade e das dinâmicas de migração do gênero homo a partir da África para outras regiões do planeta. O resultado do estudo foi divulgado em uma revista científica.

Evento vai acontecer no próximo dia 20

Vai acontecer este mês a segunda edição da Marcha para Jesus do município de Mangaratiba. A preparação do evento reuniu no fim de semana 50 pastores e membros de várias igrejas, em encontro com o prefeito Alan Costa. A programação contará com cantores e até um DJ. A marcha começará na Praia do Saco, com concentração em frente ao Ciep 294, de onde os fieis seguirão por toda a orla até chegar ao centro da cidade. "Agendamos essa reunião para tratar da Marcha para Jesus, e acabou se tornando um grande culto em louvor a Deus. Estar no meio onde cresci e aprendi toda a minha vida só me traz alegria, prazer e comunhão com Cristo. Esta Marcha, que é a maior da Costa Verde, vai unir cada vez mais o povo em um só nome: Jesus", diz o prefeito.

Com dois contratos emergenciais para compra de merenda escolar realizados em 2017 apontados como irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado, inclusive com sobrepreço em alguns itens, a Prefeitura de Japeri fez um pregão em fevereiro deste ano para abastecer a rede municipal de ensino, mas essa não foi suficiente para normalizar a merenda escolar. Na última sexta-feira (5), em resposta ao RJTV da Rede Globo de Televisão, a Prefeitura divulgou nota dizendo que estaria procedendo com uma nova licitação para normalizar a merenda escolar, mas até hoje (8) nenhum edital nesse sentido foi disponibilizado no Portal da Transparência.

Blindado por um marketing que já custou cerca de R$ 2,5 milhões ao bolso dos contribuintes de Resende em contrato publicitário e embalado com a ajuda de um exército de cargos comissionados e seus agregados, pelas redes sociais, o governo do prefeito Diogo Balieiro Diniz parece tentar usar o azul marinho adotado por sua administração para vendar os olhos da população para algum outro tipo de realidade. O exemplo mais recente não vem das paredes azuladas de Balieiro e sim do chão. Trata-se do asfaltamento da estrada Surubi-Bulhões, de aproximadamente oito quilômetros, que, ao término da pavimentação consumirá R$ 27,2 milhões desde que o projeto foi iniciado, o que, para alguns observadores, poderá resultar em uma "cratera" nas contas públicas.