Saques do PIS/Pasep colocarão R$ 34,3 bilhões na economia
Números sugerem que em Casimiro de Abreu a crise é de gestão
Mangaratiba vai ter nova eleição para prefeito
Transição da intervenção no Rio começa em outubro
Magé vai comprar mais de R$ 4,2 milhões em materiais de expediente e escolar em loja de revelação de fotos

Apesar da pressão e da falta de respeito com funcionários saíram sem pedir desculpas mesmo não tendo encontrado nenhuma irregularidade

A Procuradoria Geral do município de Japeri encaminhou hoje à 63ª Delegacia Policial queixa crime contra sete vereadores da cidade, acusados de invadirem uma unidade de ensino e “tocarem o terror” sobre os funcionários. Segundo relato da diretora da Escola Municipal Professora Celita Rodrigues de Andrade, localizada no bairro Marajoara, Naiuma Alves Manço, o presidente da Câmara Municipal, Cezar Melo (PT do B), munido de câmera fotográfica, acompanhado de assessores e dos vereadores José Walter de Macedo, o Val (PSB), Hélder Pedro Barros (PT do B), Márcio José Russo, o Manequinha (PRB), Márcio Rodrigues Rosa, o Bibi, José Luiz de Carvalho, o Luizinho (ambos do PR) e Jonas Aguiar Cruz (PMDB), invadiram o colégio, vasculharam todas as dependências e desrespeitaram os servidores. A versão de Naiuma foi confirmada pela diretora adjunta, Indiara Martins. “Eles invadiram a escola e se dividiram em dois grupos. Entraram em diversas salas de aula, despensa e cozinha. Abriram o freezer e geladeiras, olhando prazos de validade dos alimentos e quais os produtos que estavam nas prateleiras. Foi um absurdo, um desrespeito à lei”, afirmou a diretora.

Político evangélico foi trucidado a tiros dias antes de assumir uma cadeira na Alerj

O Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro decidiu que o deputado estadual Marcos Abrahão, sargento reformado da Polícia Militar, vai mesmo responder pelo assassinato deputado eleito e bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, Valdeci Paiva de Jesus, ocorrido em janeiro de 2003. Marcos, que era o primeiro suplente, se beneficiou diretamente com a morte de Valdeci, que foi executado com 19 tiros quando chegava à sede do PSL, no bairro de Benfica, na Zona Norte do Rio. Ele morreu dias antes de assumir o mandato para o qual fora eleito em outubro de 2002.

O comerciante Anderson Siqueira Moura assumirá hoje, às 10h, em solenidade na Câmara de Vereadores, o cargo de prefeito de Araruama. Vice-prefeito na chapa de Miguel Jeovani, Anderson vai governar enquanto a Justiça mantiver Miguel fora da Prefeitura. O prefeito foi afastado cautelarmente no dia 28 de janeiro em decisão liminar do juízo da 2ª Vara Cível da comarca local, que chegou a ter os efeitos suspensos no dia 29 e voltou a valer no dia 31, quando a desembargadora Leila Mariano, presidente do Tribunal de Justiça, cassou a suspensão. Na última quarta-feira Miguel Jeovani teve outra decisão desfavorável no Tribunal de Justiça, mas seus advogados estão trabalhando com novos recursos para tentar conduzi-lo de volta ao mandato de prefeito.

O juízo da 1ª Vara Cível de Belford Roxo decidiu na tarde dessa quinta-feira que a Prefeitura terá de apresentar à Justiça, em dez dias, a publicação das portarias que deram posse aos 21 candidatos já convocados no concurso público para a Guarda Municipal e estipulou o mesmo prazo para a apresentação do cronograma do curso de formação e a convocação dos candidatos habilitados na terceira etapa do processo seletivo. De acordo com a decisão, “ao término do curso de formação, o município deverá, ainda, convocar, nomear e dar posse imediata a todos os aprovados, observando a ordem de classificação e o limite de vagas, considerando os que já tiverem sido convocados e nomeados”.

São 85 vagas e vencimentos vão até R$ 7.319,94 

A partir das 10h de hoje o Centro Estadual de Estatísticas, Pesquisas e Formação de Servidores Públicos do Rio de Janeiro (Ceperj), estará disponibilizando no site www.ceperj.rj.gov.br as fichas de inscrição para o concurso do Fundo Único de Previdência Social do Estado do Rio de Janeiro (RioPrevidência). As inscrições poderão ser feitas até o dia 9 de março e estão sendo oferecidas 35 vagas para o cargo efetivo de especialista em previdência (nível superior) e 50 para assistente (nível médio), com salários que vão até R$ 7.319,94. O prazo para inscrições é de um mês, mas o presidente do Ceperj, Maurício Carlos Ribeiro, orienta os interessados a preencherem suas fichas com antecedência, para evitar sobrecarga no sistema de processamento de dados, nos últimos dias do prazo. Segundo Maurício, os candidatos que não tiverem acesso à internet poderão fazer a inscrição presencial, que funcionará na sede do órgão, na Avenida Carlos Peixoto, 54, térreo, Botafogo, Zona Sul do Rio, de segunda a sexta, das 10h às 16h, nos dias uteis.